ESTADOS Visto de não emigrante E-2

Vantagens

  • Tempo de processamento rápido, usualmente em três meses
  • Dependentes incluídos:
    1. Cônjuge
    2. Filhos dependentes menores de 21 anos
  • Cônjuge pode trabalhar nos Estados Unidos
  • Filhos podem frequentar escolas e universidades
  • Sem exigência de escolaridade ou idioma
  • Candidato aprovado pode permanecer no país por até cinco anos
  • O status E2 é renovável, desde que o candidato mantenha o negócio em funcionamento

Opções de Investimentos

  • Fazer um investimento relevante (normalmente de US$ 250 mil a US$ 300 mil) em um novo negócio, uma franquia ou na compra de um negócio já existente nos Estados Unidos
  • Deve criar no mínimo dois postos de trabalho oficiais para trabalhadores americanos qualificados no país
  • O negócio deve contribuir para o crescimento da economia americana
  • Um amplo leque de opções de franquias e joint ventures são negócios qualificáveis

Requisitos

  • Deve ser cidadão de um país do Tratado E-2 com os Estados Unidos no momento da solicitação do visto
  • Não pode possuir antecedentes criminais
  • Deve fazer exame médico
  • Apresentar comprovação de origem dos fundos do investimento
  • Deve passar por uma verificação de devida diligência

Processo

  • Candidato originário de país que não faz parte do Tratado E-2 pode se tornar elegível para fazer a solicitação de visto tornando-se cidadão de países como Granada, Montenegro ou Turquia
  • O investidor deve estar em processo de criação ou de compra de negócio já existente no momento da solicitação do visto
  • Pode abrir ou comprar um negócio já existente; comprar uma franquia ou criar um negócio de joint venture
  • A solicitação é feita em um consulado americano próximo à residência do candidato em seu país de origem

Países do Tratado E-2

Albânia
Alemanha
Argentina
Austrália
Áustria
Bélgica
Bulgária
Cazaquistão
Chile
Cingapura
Colômbia
Coreia do Sul

Costa Rica
Croácia
Dinamarca
Eslovênia
Espanha
Estônia
Etiópia
Filipinas
Finlândia
França
Georgia
Granada*

Holanda
Honduras
Irlanda
Itália
Jamaica
Japão
Kosovo
Letônia
Libéria
Luxemburgo
Macedônia
Marrocos

México
Montenegro*
Noruega
Omã
Paquistão
Panamá
Paraguai
Filipinas
Polônia
República Tcheca
Reino Unido
Roménia

Sérvia
Senegal
Sri Lanka
Suriname
Suécia
Suíça
Tailândia
Taiwan
Togo
Trinidad e Tobago
Tunísia
Turquia*

* Os vistos de Cidadania por Programa de Investimentos de Granada, Montenegro e Turquia permitem que investidores de países que não fazem parte do tratado sejam elegíveis para solicitar o visto americano  E-2